quinta-feira, 12 de abril de 2007

A grande entrevista "civilizacional"

O Engenheiro, ou Bacharel, ou licenciado José Sócrates, em resposta televisiva à polémica sobre o seu curso superior brindou-nos com um conjunto de afirmações onde mostrou a sua enorme arte de mentir, manipular e fazer poeira, procurando tentar fazer de nós parvos.

Utilizando uma forma literária em dois tempos: afirmação peremptória seguida de vírgula e, aí vem, o contrário do dito, foi-nos referindo que: Escreve que é engenheiro civil, no registo de deputado mas, acrescenta bacharel para que nós não pensemos que ele queria mostrar o que não é; Intitula-se Engenheiro mas, não tem culpa que normalmente outros assim chamem a quem não o é; Não tem por hábito falar aos jornalistas mas, qual é o Primeiro-ministro que não telefona aos directores dos jornais a dar a sua versão. Afirma que esteve em silêncio porque não queria interferir nas investigações da Universidade Independente mas, já falou e elas ainda estão a decorrer; Não baixará os impostos por razões eleitorais, mas pode ser que a conjuntura seja a ideal para baixar impostos no ano antes das eleições.
O grande Jorge Coelho ficou convencido com o rigor das explicações dadas, milhares de portugueses também, eu porém não acredito no Super-Homem, no que tudo faz bem e sempre penteado…

Enfim, o Senhor … enumerou para finalizar as três grandes marcas civilizacionais conseguidas até agora na sua governação: a liberalização do aborto, a procriação mediamente assistida e a paridade de género.
Senhor … , esqueceu-se, ou nem lhe ocorre falar de outra conquista civilizacional destes dois anos: A Mentira manhosa!

4 comentários:

Dario&Alexandra disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Dario&Alexandra disse...

nao poderia estar mais de acordo... acabei por desligar a t.v. antes de acabar a entrevista e confirmar que a televisão pouco educa...

Anónimo disse...

Afinal o sócratates (com 's' minusculo), com a sua novela barata, teve o mérito de despertar a pontaria certeira de novos analistas! Parabens.

Joana disse...

filipa,

muito bem, muito lúcido e claro este seu comentário à entrevista de ontem.
Parabéns!

Joana